Deixe seu recado aqui:

terça-feira, 28 de outubro de 2014

PARECER DA MESA DIRETORA DA CÂMARA DOS DEPUTADOS (MESA)




PARECER DA MESA DIRETORA DA CÂMARA DOS 

DEPUTADOS (MESA)

Câmara dos Deputados 

PL 7.561/2014 
Autor: Missionário José Olimpio 
Data da Apresentação: 
14/05/2014 
Ementa: Proíbe o implante em seres humanos de identificação em forma de chips e outros dispositivos eletrônicos. 
Forma de Apreciação: 
Proposição Sujeita à Apreciação Conclusiva pelas Comissões - Art. 24 II 
Texto Despacho:
Às Comissões de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado e Constituição e Justiça e de Cidadania (Mérito e Art. 54, RICD) - Art. 24, II Proposição Sujeita à Apreciação Conclusiva pelas Comissões - Art. 24 II Regime de Tramitação: Ordinária
Regime de tramitação:
Ordinária
Em 26/05/2014

Biochip, você ainda vai usar um...




Biochip, você 

ainda 



vai usar um...

Implantado no organismo, o dispositivo eletrônico do tamanho de um grão de arroz promete ajudar em diagnósticos e tratamentos sofisticados. Por ora, ganha usos curiosos


PROJETO DE LEI Nº ..................., DE 2014.
(Do Sr. Deputado Missionário José Olimpio)
FONTE: http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=615529

Proíbe o implante em seres humanos de identificação em forma de chips e outros dispositivos eletrônicos.
O CONGRESSO NACIONAL decreta:
Art. 1º Fica proibido o implante em seres humanos, independentemente da idade, de identificação a título de RG, CPF ou código de barras em forma de chips, fios ópticos e outros produtos similares na camada subcutânea ou superficial da pele, derme e epiderme, cartilagem, órgãos internos, músculos, ossos, cabelos ou tatuagem.
Parágrafo único. O disposto no caput abrange qualquer dispositivo eletrônico ou eletromagnético que permita rastreamento via satélite ou GPS (Global Positioning System), telefonia, rádio ou antenas.
Art. 2º O descumprimento do disposto nesta Lei acarretará responsabilização administrativa, cível e penal, nos termos da legislação vigente.
Art. 3º Esta entra em vigor na data de sua publicação.
JUSTIFICAÇÃO

A Constituição Federal do Brasil, no art. 5º, Incixo XV, dispõe acerca do direito de ir e vir da seguinte forma: “é livre a locomoção no território nacional em tempo de paz, podendo qualquer pessoa, nos termos da lei, nele entrar, permanecer ou dele sair com seus bens”.
Sabe-se que o Brasil é um país de homens livres, que podem se deslocar pelo território nacional sem temer a possibilidade de cerceamento de sua locomoção.
A Bíblia Sagrada, no livro de Apocalipse, capítulo 13, versículos 16 e 17, diz o seguinte:
“16 - E faz que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas,
17 - Para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome.”
Tendo em conta que o fim dos tempos se aproxima, é preciso que o Parlamento brasileiro se antecipe aos futuros acontecimentos e resguarde, desde logo, a liberdade constitucional de locomoção dos cidadãos. Sendo assim, urge que se proíba a implantação em seres humanos de chips ou quaisquer outros dispositivos móveis que permitam o rastreamento dos cidadãos e facilitem que sejam as pessoas alvo fácil de perseguição e toda sorte de atentados.
Infelizmente, de modo sorrateiro, já são conhecidos no Brasil diversas iniciativas de implantação de chips como “rastreadores pessoais” que pretensamente simulam uma ferramenta de segurança na medida em que possibilitariam a rápida localização de pessoas que estivessem em poder de sequestradores. Entretanto, o povo brasileiro não se deve iludir com tais artifícios, que escodem uma verdade nua e cruel: há um grupo de pessoas que busca monitorar e rastrear cada passo de cada ser humano, a fim de que uma satânica Nova Ordem Mundial seja implantada.
Ante a importância da matéria, e objetivando a liberdade de locomoção em nosso País, solicito apoio ao presente Projeto de Lei, para que possamos, com a valiosa colaboração dos ilustres Deputados, aperfeiçoá-lo e aprová-lo.
Sala das Sessões, em ......... de ........................ de 2014.
Deputado Missionário José Olimpio (PP/S

Projetos de Leis e Outras Proposições
PL 7561/2014 Inteiro teor
Projeto de Lei

Situação: Aguardando Designação de Relator na Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado (CSPCCO)

Identificação da Proposição
Autor
Missionário José Olimpio - PP/SP
Apresentação
14/05/2014
Ementa
Proíbe o implante em seres humanos de identificação em forma de chips e outros dispositivos eletrônicos.
Indexação

Informações de Tramitação
Forma de Apreciação
Proposição Sujeita à Apreciação Conclusiva pelas Comissões - Art. 24 II
Regime de Tramitação
Ordinária

Despacho atual:
Data Despacho
26/05/2014 Às Comissões de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado e Constituição e Justiça e de Cidadania (Mérito e Art. 54, RICD) - Art. 24, IIProposição Sujeita à Apreciação Conclusiva pelas Comissões - Art. 24 II. Regime de Tramitação: Ordinária
Última Ação Legislativa
Data Ação
26/05/2014 Mesa Diretora da Câmara dos Deputados ( MESA )
Às Comissões de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado e Constituição e Justiça e de Cidadania (Mérito e Art. 54, RICD) - Art. 24, IIProposição Sujeita à Apreciação Conclusiva pelas Comissões - Art. 24 II. Regime de Tramitação: Ordinária
28/05/2014 Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado ( CSPCCO )
Recebimento pela CSPCCO.
Árvore de apensados e outros documentos da matéria
Documentos Anexos e Referenciados
• Avulsos
• Destaques ( 0 )
• Emendas ao Projeto ( 0 )
• Emendas ao Substitutivo ( 0 )
• Histórico de despachos ( 1 )
• Legislação citada
• Histórico de Pareceres, Substitutivos e Votos ( 0 )
• Recursos ( 0 )
• Redação Final
• Mensagens, Ofícios e Requerimentos ( 0 )
• Relatório de conferência de assinaturas


Pareceres Aprovados ou Pendentes de Aprovação
Comissão Parecer
Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado ( CSPCCO ) -
Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania ( CCJC ) -

Cadastrar para acompanhamento Tramitação
Obs.: o andamento da proposição fora desta Casa Legislativa não é tratado pelo sistema, devendo ser consultado nos órgãos respectivos.
Data
Andamento
14/05/2014 PLENÁRIO ( PLEN )
• Apresentação do Projeto de Lei n. 7561/2014, pelo Deputado Missionário José Olimpio (PP-SP), que: "
Proíbe o implante em seres humanos de identificação em forma de chips e outros dispositivos eletrônicos.
". Inteiro teor

26/05/2014 Mesa Diretora da Câmara dos Deputados ( MESA )
• Às Comissões de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado e Constituição e Justiça e de Cidadania (Mérito e Art. 54, RICD) - Art. 24, IIProposição Sujeita à Apreciação Conclusiva pelas Comissões - Art. 24 II. Regime de Tramitação: Ordinária Inteiro teor

28/05/2014 COORDENAÇÃO DE COMISSÕES PERMANENTES ( CCP )
• Encaminhada à publicação. Publicação Inicial em avulso e no DCD de 29/05/14 PÁG 272 COL 01. Inteiro teor

28/05/2014 Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado ( CSPCCO )
• Recebimento pela CSPCCO.

Banner para divulgação da Igreja de Cristo Nova Aliança




segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

A Cruz é símbolo Cristão ou Pagão?




O Papa recebe o sinal da deusa pagã Shiva em sua testa, afim de receber proteção. (Shiva é o deus hindu que é chamado de “o senhor da morte”; na bíblia satânica é citado com o “mesmo significado do próprio Satã; sinônimo). Parece que nem o Papa acreditava que o sinal da cruz o protegia?
Imagem da deusa pagã shiva shakti
A falsa tradição tem levado multidões a adorar a “santa” cruz do paganismo.
Assim se aprende no chamado catecismo:
O sinal da cruz “Católico” ROMANO se faz assim: estendendo unidos os três dedos da mão direita (polegar, indicador e médio – simbolizando a Santíssima Trindade), e apoiando os outros dois sobre a palma da mão (anular e mínimo – simbolizando as duas naturezas – humana e Divina de Cristo em uma só pessoa), levamos a mão assim formada, da fonte (1) para o peito (2), e depois do ombro direito (3), para o esquerdo (4)”.


AGORA CONHEÇA TODA A VERDADE:
Você acaba de fazer uma CRUZ de cabeça para baixo, um sinal que pouca gente sabe que é um sinal usado por satanista, a CRUZ INVERTIDA.

Observe os cabelos do falso cristo caindo pra baixo na cruz investida, e o 666 número da besta.
Um dia perguntei um católico porque ela fazia este sinal, ele respondeu:_Porque todo mundo faz, assim, ora!
Ao conhecer a Verdade, a gente vê como esta falsa tradição é perigosa. Os líderes religiosos usam para manipular a fé destes pobres indefesos, que agem sem pensar. Aí, sentimos a responsabilidade de alertar as pessoas, na esperança de salvar algumas com Jesus. Como é diabólica e desumana manter o povo assim, tão cego e escravizado pelo engano.
Deus disse: “O meu povo perece por falta de conhecimento” (Oséias 4:6). E o “chefe” da Igreja ROMANA nada faz para mudar esta triste situação?

A Cruz Invertida – a cruz usada por satanistas, simboliza o fim do Cristianismo e também tentam ridicularizar a Jesus, exaltando o diabo, oantiCristo, e o falso profeta que é a besta 666. (Trindade satânica).
Pense comigo:_Porque fazer o sinal da cruz? Jesus já não desceu dela,… venceu a morte e ressuscitou? Qual o sentido de se apegar a cruz e não a Jesus Vivo? O cristão consciente precisa escolher entre a Idolatria da cruz ou a verdadeira adoração de Jesus! Cruz não tem nada a ver com Pai, Filho e Espírito Santo, gente! É fácil notar que tem algo muito errado nesta falsa tradição inventada pelos homens!
Assista estes 3 vídeos que mostram alguns símbolos que o verdadeiro cristão deve evitar: (Após ver o primeiro vídeo, espere para ver os outros, ok?)



A VERDADEIRA ORIGEM DA CRUZ.
Esta claro como o dia, que a Cruz não foi inventada por Jesus, nem pelo povo de Deus. Todos sabem que antes mesmo de Jesus nascer, já matava criminosos nas cruzes. Por isso a Bíblia chama a cruz de MALDITA: “Cristo nos resgatou da MALDIÇÃO da Lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: MALDITO TODO AQUELE QUE FOR PENDURADO NO MADEIRO”. (Gálatas 3:13).
Desde os tempos antigos já haviam condenados que morriam no madeiro, ou “T” de Tamuz, a cruz primitiva que deu origem a cruz que conhecemos hoje, veja: “O seu cadáver não permanecerá no madeiro, mas certamente o enterrarás no mesmo dia; porquanto O PENDURADO É MALDITO DE DEUS. Assim não contaminarás a tua terra, que o Senhor teu Deus te dá em herança”. (Deuteronomio 21:23)
A cruz teve sua origem nos tempos de Ninrode, (Neto de Cão) o rei que construiu a torre de Babel. Sua mulher, foi a sacerdotisa Semíramis que tendo o seu filho Tamuz nos braços, já era adorado como deus, desde os tempos antigos. (Depois, veja mais informações, lendo aqui mesmo em nosso Blog,  o tópico: “Porque Maria Chora”?)

Pra quê tantas cruzes nas vestes, no pescoço, nas mãos e no trono Papal, companheiros!?
O “T” da inicial do nome Tamuz, foi o símbolo mais antigo, que deu origem a cruz conhecida nos dias de hoje. Os povos primitivos também adoravam o fogo como deus, e o símbolo do fogo era duas varinhas cruzadas em forma de “X”, que sendo friccionadas uma na outra, tinha o poder de fazer surgir o seu deus: fogo. “Entre os Celtas a cruz tornou-se cultuada muito antes de Cristo, e na Índia era o sinal do Fogo Sagrado, respeitado como Divindade, Potência Superior e Origem da Vida”.
Hoje, vemos principalmente as pobres crianças fazendo a CRUZ INVERTIDA, sem saber do seu real significado.
Uma cruz mesmo feitas pelo joalheiro, não tem poder algum. Ao contrário, quando você encontra cruzes plantadas nas curvas de uma estrada, é sabido que ali houve um acidente fatal que ceifou vidas preciosas, portanto, é mal sinal.


Cruz é sinal de morte nas estradas
Pense: Qual o verdadeiro sentido fazer o sinal da cruz ao passar na frente da igreja Católica? Será que ali é lugar de morte? Porque ficar relembrando a morte e não a Cristo vivo? Quem insiste em crucificar Jesus repetidas vezes insultam a Deus. Confira:
“[...] Pois assim, quanto a eles, de novo crucificam o Filho de Deus, e o expõem ao vitupério” (Vitupério quer dizer, envegonham, insultam a Jesus). (Aos Hebreus 6:6).
É impossível derramar o sangue de Cristo em um novo sacrifício. A Palavra de Deus afirma que novos sacrifícios sem derramamento de sangue não tem valor algum. Assim, a Missa nem hóstias podem tirar pecado, confira:
“E assim todo o sacerdote aparece cada dia, ministrando e OFERECENDO MUITAS VEZES OS MESMOS SACRIFÍCIOS (hóstias),QUE NUNCA PODE TIRAR PECADOS” (Aos Hebreus 10:11). [...] e sem DERRAMAMENTO DE SANGUE NÃO HÁ REMISSÃO”. (Remissão quer dizer, clemência, misericórdia, perdão). (Aos Hebreus 9:22).
A vontade do diabo é não deixar Cristo descer da cruz, e o Papado não O deixa. Além de mantê-lo crucificado, adotou a Cruz Vergada (e satanista do séc. VI ) que apresenta uma figura indigna, repulsiva e retorcida de um Cristo, como se tivesse secado de tanto ficar pendurado na cruz Católica pagã, veja:

A VERDADEIRA CRUZ PRIMITIVA NOS FILMES HISTÓRICOS FAMOSOS:
Nas cenas Cristo não carregou a cruz e sim o madeiro, que ao chegar no Calvário se juntava a uma estaca formando o “T” de Tamuz, símbolo do deus pagão “sol”. “Cristo nos resgatou da MALDIÇÃO da Lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: MALDITO TODO AQUELE QUE FOR PENDURADO NO MADEIRO”. (Gálatas 3:13).

Note que, acima do “T”, apenas foi adicionado um fino suporte para a placa citada em João 19:19, com os dizeres “JESUS NAZARENO, REI DOS JUDEUS”.

Cristo foi crucificado numa cruz primitiva em forma de “T”, inicial do nome do deus pagão Tamuz. Portanto, não devemos adorar a cruz(Tamuz, o deus pagão) e sim ao Senhor Jesus Cristo.
O filme Ben-Hur é fiel à história apresentando a cruz primitiva e não o modelo de cruz adotado pelo Papa que promove a idolatria da “santa” cruz. Pense: Se Cristo fosse morto com veneno, o Papa nos obrigaria a venerar um frasco de veneno? (Veneno “santo”?).
Os dois ladrões também foram crucificados em um “T” e sem a placa com um título como a de Jesus. Esta cena é do filme “THE PASSION” (A Paixão)  – produção mais recente da HBO em parceria com a BBC. O filme também é fiel aos fatos, e mostra a cruz primitiva em forma de“T”).
Note à direita as cruzes em forma de “T”
Não há como negar estes fatos históricos, com tantas fontes, muito bem fundamentadas.


O deus pagão representado pela imagem da cruz

Este, após a “confusão das línguas” na torre de Babel (Genesis 11:1 a 9); se espalhou pelas nações. 
Causando na história dos antigos, uma confusão relativa à identificação dos deuses. Cada lugar adorava uma mesma divindade, mas com um nome diferente e isto tudo fomentou a dificuldade de hoje em identificar a diferença entre os deuses. 
Tamuz foi muito cultuado, mais tarde, em Babilônia (como se vê no livro Bíblico de Ezequiel, capítulo 8, versículo 14). A sua lenda está quase de certeza por de trás de outros cultos antigos, designadamente o de Baalnas terras de Canaã e o de Adónis na Grécia Clássica.


Relação com a Cruz

O deus Tamuz era representado pela primeira letra de seu nome, que é o antigo tau, uma cruz. O “sinal da cruz” era o símbolo religioso deTamuz.
O Expository Dictionary of New Testament Words (Dicionário Expositivo de Palavras do Novo Testamento) é específico, afirmando que a cruz “teve sua origem na antiga Caldéia, e era usada como o símbolo do deusTamuz (tendo o formato da mística Tau, a letra inicial do nome dele)”.
É significativo o seguinte comentário no livro o The Cross in Ritual, Architecture, and Art (A Cruz no Ritual, na Arquitetura e na Arte): “É estranho, porém, inquestionavelmente um fato, que em eras muito anteriores ao nascimento de Cristo, e desde então em terras não tocadas pelo ensino da Igreja, a Cruz tenha sido usada como símbolo sagrado.”
 

“A cruz celta tem suas raízes em uma variação pré-cristão da cruz Solar.Exemplos da data cruz celta para trás até 5.000 anos aC Após a conversão do povo celta ao cristianismo, a cruz celta tornou-se um emblema da igreja cristã celta. O símbolo foi emprestado do paganismopré-cristão, o deus sol Taranis (Uma deidade céltica para quem as oferendas sacrificiais humanas eram feitas).  Seu nome está provavelmente conectado com aqueles dos deuses do trovão germânicos, Thor nórdico (anglo-saxão Þunor, Donar alemão),Tiermes dos povos nórdicos SAMI.
Taranis é provavelmente associado com o Ambisagrus gálico(provavelmente do proto-céltico *ambi-sagros = “em torno da-força”), e nainterpretação romana com Marte. (E originalmente, o deus Tamuz dos Caldeus da Mesopotâmia).

Um símbolo semelhante é o emblema da antiga Assíria,deus Shamash. O círculo em torno da cruz representa o sol. Símbolo usado hoje pelos papas no Vaticano.
No livro Sinais e símbolos – origem, história e significado, editado pela H. F. Ullmann, pág. 39: “Apesar de actualmente ser essencialmente associada ao cristianismo, a cruz céltica data dos tempos pagãos quando era um símbolo da fertilidade e da vida”.

A cruz símbolo da deusa celta do fogo(Brígida).
“Candlemas era celebrado à deusa nos tempos antigos com umaprocissão à luz de archotes para purificar e fertilizar os campos. A versão cristianizada da procissão de Candlemas honra a Virgem Maria e, no México, ela corresponde ao Ano Novo Asteca”.

Festa do Fogo ou Noite de Brigit.

“A deusa vagarosamente recupera-se do parto, e acorda sob a energia revigorante do Sol. Esse é o também chamado Festival das Luzes, em que se acendem VELAS por toda a casa, mais especialmente nas janelas, para anunciar a vinda do Sol e mostrar ao menino deus seu caminho. É dito no ritual: …a graciosa deusa Mãe (deusa do fogo), Senhora de toda fertilidade“.
(Fontes: The Cross in Ritual, Architecture, and Art; Dicionary of New Testament Words; Livro Sinais e Símbolos – Origem História e Significado; e wikipédia).
OUTRAS REFLEXÕES SOBRE A CRUZ
-Nosso Senhor e Salvador Jesus o Cristo não está mais na cruz. Ele esteve lá apenas por um pequeno momento. O sacrifício já foi consumado e não exige mais sacrificar.
-Agora devemos visualizar Cristo em seu trono de Glória, pois, Ele vive para todo o sempre RESSURRETO dentre os mortos, a memória da sua morte e ressurreição. Não devemos nos ater a contemplação da cruz, desenhada ou esculpida, mesmo que seja em ouro ou prata. Nem reverenciar uma cruz, mesmo sem a imagem de Cristo pendurada, ou sobre uma fachada de uma igreja. E, muito menos acreditar que ela nos protegerá, idolatrando a cruz e não a Jesus Cristo vivo.
-Veja que Jesus não foi colocado na cruz sozinho, pois dois ladrões, criminosos condenados foram também mortos ao seu lado.
-Cruz quer dizer sacrifício, e não é santa. Não existe Santa Cruz, mesmo se houvesse a Cruz original onde Cristo foi pregado. O Poder está em Deus e não no “T”, “X” ou a Cruz criada pelo paganismo.

-Jesus venceu a cruz por nós,… então seria loucura a gente adorar, idolatrar, reverenciar a cruz. Devemos honrar, adorar a Jesus, isso sim.
-”Não desprezar a cruz…” é não desprezar o sacrifício expiatório que Cristo fez por você e por mim. Só Ele pagou nossas dívidas morrendo em nosso lugar.
-Este costume de andar com uma corrente e uma cruz não protege ninguém. É preciso ter Jesus no coração e obedecer a Palavra de Deus:“Portanto, meu amados, Fugi da idolatria”. (I Coríntios 10:14). Fugi de adoração a imagem da cruz, ou de qualquer outro tipo de Imagem!
Raciocine um pouco comigo: então se Jesus tivesse morrido numa guilhotina, você andaria hoje com um guilhotina no pescoço ou com Jesus no coração? Viu, como é fácil entender a má influência da falsa tradição? Pois os apóstolos e primeiros cristãos jamais fizeram isso.
-A cruz não é nossa vitória…, pois nossa Vitória está descrita lá em I João 5:4 e 5; “(…e esta é a VITÓRIA QUE VENCE O MUNDO a nossa FÉ. Quem é que vence o mundo, senão aquele que crê que Jesus é o Filho de Deus?)
-Oração ao pé da cruz, não! Tem que ser aos pés de Jesus, ele sim tem Poder e pode nos ouvir.
-Por isso o Povo de Deus nunca se apegou a cruz. Se não fosse assim, os primeiros discípulos teria se juntado e comprado a cruz em que mataram Jesus, e teriam levado um pedacinho consigo para se proteger. Mas, não fizeram tal coisa, pois, confiavam mais no Salvador Jesus, que na cruz que os seus inimigos ROMANOS usavam pra matar criminosos. E os ROMANOS assassinaram milhares de cristãos em cruzes por todo o Império… a cruz para os verdadeiros cristãos era símbolo de Maldição, perseguição e morte. E, para Deus também, leia nas Escrituras.

ALGUNS DEFENSORES DA CRUZ:
- Citam Lucas 9:23, onde Jesus diz: “Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz, e siga-me.” Aqui, esta falando de RENÚNCIA e não de que devemos tomar uma cruz e atá-la ao pescoço com uma corrente e seguir Jesus. Muito menos, que deveriamos quebrar o mandamento da Lei de Deus e venerar uma Imagem da Cruz.  É, óbvio que não.  Mas, quando Jesus disse isso, naquele tempo, todos entenderam facilmente, porque todos já sabiam o que acontecia com alguém condenado a tomar uma cruz. Nada mais teriam que fazer, a não ser caminhar para a morte, portanto devemos entender a mensagem do Mestre e saber que a partir do momento que decidimos seguir Jesus: só nos resta um caminho: morrer para as coisas deste mundo, como as farras com bebidas que nos levaria ao alcoolismo, ou até às drogas. As atitudes que não são próprias de um Cristão, como ser “tímidos (os covardes) (sexo ilícito), feiticeiros, idolatras (curvar-se diante das imagens), mentirosos, pois a estes esta reservado a Condenação Eterna.” (Apocalipse 21:8). E, o Senhor Jesus encerra sua orientação sobre RENÚNCIA, dizendo: “Porque, qualquer que quiser salvar a sua vida, perde-la-á; MAS QUALQUER QUE, POR AMOR DE MIM, PERDER A SUA VIDA, A SALVARÁ.” (Lucas 9:24). Aqui, nos mostra que “perder” é GANHAR, pois, quantos jovens tentado ganhar a vida curtindo o mundo, acabam perdendo tudo e fracassando, morrendo cedo e até sem a Salvação Eterna que Cristo tinha para dar a eles.
Responda:_Porque o Papa usa a cruz invertida em seu trono?

O Papa alega que usa esta cruz invertida, porque Pedro morreu na cruz de cabeça para baixo. Mas isso não é verdade, pois Pedro era um homem simples, de pouco cultura, não era rico como os Papas e jamais viajou tão longe, da Galileia até Roma. Naquela época as viagens… não eram tão facilitadas (embora continuam caras) como é nos dias atuais. As viagens eram arriscadas, demoradas e exigia muitos recursos que Pedro não possuía. Como tem hoje muita gente, da classe média, que morre sem conhecer o mar, naquele tempo Pedro também não atravessou o mar pra chegar a Roma, por isso a Bíblia não confirma esta mentira da falsa tradição “Católica” ROMANA.
O Papa João Paulo idolatrava tanto a cruz que foi sepultado em um caixão com uma cruz invertida desenhada nele. Preferiu também um caixão de forma estranha, destes que a gente costuma ver em filmes de vampiros ou cerimonial satânico. Porque isso, em companheiro?
UM DISFARCE PARA ENGANAR?
Agora com o conhecimento divulgado pela Internet, o clero se vê apertado por sentir que o povo tem sabido de toda a Verdade, que tentam encobrir o mal feito. Agora, eles estão tentando popularizar outro sinal da cruz.
Este NOVO sinal da cruz é fazendo três cruzes (XXX), ao invés de uma: a primeira sobre a testa, a segunda sobre os lábios e a terceira sobre o coração. Será que este disfarce é válido e resiste a um exame da razão? Neste próximo vídeo e observe que eles ensinam claramente que o poder de te livrar do mal VEM DOS MÉRITOS DA CRUZ e não do Senhor Jesus. Será que você acredita que cruz espanta vampiros, e o diabo? Daqui a pouco vai acreditar que alho espanta vampiros!? Não adiantaria em nada andar com alho, para se proteger. Assista o vídeo:

Vejamos:
1) – O desenho da cruz equivale ao X, e qual o valor numérico do “X”?

Entenda que, somente as letras, F, O e X valem cada uma o número 6, portanto:
F = 6
O = 6
X = 6
FOX = 666
E a cruz equivale ao X = 6
XXX = 666, que é a trindade satânica: o diabo, o antiCristo, e  suabesta (a besta é também denominada de Falso Profeta), portanto, fazer um sinal da cruz “moderno” com as 3 cruzes ficou pior. É como se estivessem treinando pra receber a marca da besta? (+++ =  666)
Assistam este vídeo explicativo:
O Vaticano que comanda e controla os costumes e tradições do povo “Católico” ROMANO não deixa as pessoas obedecerem a Palavra de Deus, contida na própria Bíblia Católica contra o uso da Idolatria da cruz e de imagens que Deus tanto condenou, até nos Dez Mandamentos.
O Segundo Mandamento:
“Não farás para ti imagens de escultura, nem semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu sou o Senhor teu Deus,… que visito a maldade dos pais nos filhos até a quarta geração daqueles que me aborrecem. E faço misericórdia em milhares aos que amam e guardam os meus mandamentos”. (Êxodo 20:4 a 6). Se você fala deste texto a um padre ele te dá uma bronca. Mas, não devia, é o Mandamento de Deus que está na Bíblia Sagrada.

Usam imagem da cruz até na hóstia e negam dar pão e vinho para os fiéis pobres, como ordenou o Senhor Jesus. (Lucas 22:19 a 20; João 6:53 a 55; I Aos Coríntios 11:23 a 28 ).
O Papa usa várias cruzes em sua roupa e faz o sinal do satanismo com a sua mão? (Leiam aqui em nosso Blog, sobre: “Sinal Satânico – a mão chifrada” -Link no final da página).

O grande comércio da maldição e do engano.
O que Deus nos ensina: “Ouvi a palavra que o Senhor vos fala… Não aprendais o caminho das nações,… porque o costume (tradições pagãs) dos povos são vaidade; pois cortam do bosque um madeiro, obra das mãos de um artista, com machado, com prata e com ouro o enfeitam, com pregos e com martelos o firmam, para que não se mova. …são ídolos (imagens) obra torneada, mas não podem falar; necessitam de quem os leve, porquanto não podem andar. NÃO TEMAIS RECEIO DELES, POIS NÃO PODEM FAZER MAL, nem tão pouco têm poder de fazer bem”. (Jeremias 10:1 a 5).
Aí, o Vaticano aprova fazer imagem de gesso, e veja no que dá. Assista o vídeo e responda: _O que acontece quando a Virgem Maria ou qualquer outra imagem se quebra? O “santo” Papa manda por no lixo ou no sacrário?
Se as imagens não protege nem a si mesmas, como irá proteger você?(Leia Isaías 45:16 a 22 e 46: 1 a 13; Jeremias 10:1 a 5).
Não se deixe enganar estude a Bíblia, e aceite a Jesus como seu único protetor enquanto há tempo, pois a cruz invertida ou 666 não pode te livrar, companheiro!!! Veja aqui como se livra de todo o mal para sempre:
Que Deus abençoe a todos nós, com Vitórias Eternas.
Os Limpa Trilhos do Rei.
______________________________________________________





A verdade sobre o Natal - 10 Motivos para não celebrar o Nata


A verdade sobre o Natal - 10 Motivos para não celebrar o Nata

Jesus não nasceu em 25 de dezembro. O natal se tornou um culto comercial que visa render muito dinheiro

O natal é a principal tradição do sistema corrupto, denunciado inteiramente nas profecias e instruções bíblicas sobre o nome de Babilônia. Seu início e origem surgiu na antiga Babilônia de Ninrode. Na verdade suas raízes datam de épocas imediatamente posteriores ao dilúvio.
Ninrode, neto de Cão, filho de Noé, foi o verdadeiro fundador do sistema Babilônico que até hoje domina o mundo - Sistema de Competição Organizado  de impérios e governos pelo homem, baseado no sistema econômico de competição e de lucro. Ninrode construiu a Torre de Babel, a Babilônia primitiva, a antiga Nínive e muitas outras cidades. Ele organizou o primeiro reino deste mundo. O nome Ninrode, em hebraico, deriva de “Marad” que significa “ele se rebelou, rebelde”.

Sabe-se bastante de muitos documentos antigos que falam deste indivíduo que se afastou de Deus. O homem que começou a grande apostasia profana e bem organizada, que tem dominado o mundo até hoje.

Ninrode era tão perverso que se diz que casou-se com sua mãe, cujo nome era Semíramis. Depois de sua morte prematura, sua mãe-esposa propagou a doutrina maligna da sobrevivência de Ninrode como um ente espiritual. Ela alegava que um grande pinheiro havia crescido da noite para o dia, de um pedaço de árvore morta, que simbolizava o desabrochar da morte de Ninrode para uma nova vida.

Todo ano, no dia de seu aniversário de nascimento ela alegava que Ninrode visitava a árvore “sempre viva” e deixava presentes nela. O dia de aniversário de Ninrode era 25 de dezembro, e esta é a verdadeira origem da “árvore de natal”.

Por meio de suas artimanhas e de sua astúcia, Semíramis converteu-se na “Rainha do Céu” dos babilônicos, e Ninrode sob vários nomes, converteu-se no “Divino Filho do Céu”. Por gerações neste culto idólatra. Ninrode passou a ser o falso Messias, filho de Baal: o deus-sol. Nesse falso sistema Babilônico, “a mãe e a criança” ou a “Virgem e o menino” (isto é, Semíramis e Ninrode redivivo) transformaram-se em objetos principais de adoração. Esta veneração da “virgem e o menino” espalhou-se pelo mundo afora; o presépio é uma continuação do mesmo em nossos dias, mudando de nome em cada país e língua. No Egito chamava-se Isis e Osiris, na Ásia Cibele e Deois, na Roma pagã Fortuna e Júpiter, até mesmo na Grécia, China, Japão e Tibete, encontra-se o equivalente da Madona (minha dona ou minha senhora), muito antes do nascimento de Jesus Cristo.

Confira os 10 motivos para não celebrar o Natal:


1- Porque a Bíblia não manda celebrar o nascimento.

2- Porque Jesus não nasceu em 25 de dezembro. Esta data foi designada por Roma numa aliança pagã no século IV. A primeira intenção era cristianizar o paganismo e paganizar o cristianismo. De acordo com o calendário Judaico Jesus nasceu em setembro ou outubro.

3- A igreja do Senhor está vivendo a época profética da festa dos tabernáculos, que significa a preparação do caminho do Senhor, e,
se você 

prepara o caminho para Ele nascer, não prepara para 

Ele voltar.

4- O natal é uma festa que centraliza a visão do palpável e esquece do que é espiritual. Pra Jesus o mais importante é o Reino de Deus que não é comida nem bebida, mas justiça e paz no espírito.

5- Porque o natal se tornou um culto comercial que visa render muito dinheiro. Tirar dos pobres e engordar os ricos. É uma festa de ilusão onde muitos se desesperam porque não podem comprar um presentinho para os filhos.

6- Porque esta festividade está baseada em culto à falsos deuses nascidos na Babilônia. Então, se recebemos o natal pela igreja católica romana, e esta por sua vez recebeu do paganismo, de onde receberam os pagãos? Qual a origem verdadeira?

7- Esta festa não glorifica a Jesus pois quem a inventou foi a igreja católica romana, que celebra o natal diante dos ídolos (estátuas). Jesus é contra a idolatria e não recebe adoração dividida.

8- Porque os adereços (enfeites) de natal são verdadeiros altares de deuses da mitologia antiga (que são demônios):

Árvore de Natal – é um ponto de contato que os demônios gostam. No ocultismo oriental os espíritos são invocados por meio de uma árvore. De acordo com a enciclopédia Barsa, a árvore de natal é de origem germânica, datando o tempo de São Bonifácio, foi adotada para substituir o sacrifício do carvalho de ODIM, adorando-se uma árvore em homenagem ao Deus menino. Leia a bíblia e confira em Jeremias 10:3,4; I Reis 14:22,23; Deuteronômio 12:2,3; II Reis 17:9,10; Isaías 57:4,5; Deuteronômio 16:21 e Oséias 4:13.

As velas acendidas – faz renascer o ritual dos cultos ao deus sol.

As guirlandas – são símbolos da celebração memorial aos deuses, significam um adorno de chamamento e legalidade da entrada de deus.
Na Bíblia, apenas Roma fez uma guirlanda...e esta foi colocada na cabeça de Jesus no dia de Sua morte, feita como símbolo de escárnio (Marcos 15:1). A Bíblia nunca anunciou que Jesus pede guirlandas, ou que tenha recebido guirlandas no seu nascimento, porque em Israel já era sabido que fazia parte de um ritual pagão.

O presépio – seus adereços estão relacionados diretamente com os rituais ao deus-sol. É um altar de incentivo à idolatria, que é uma visão pagã.
A Palavra de Deus nos manda fugir da idolatria (I Coríntios 10:14,15; Gálatas 5:19,21).

Papai Noel – é um ídolo, um santo católico chamado Nicolau, venerado pelos gregos e latinos em dezembro, sendo que sua figura é a de um gnomo buxexudo e de barba branca. O gnomo de acordo com o dicionário Aurélio é um demônio da floresta.

Troca de presentes – na mitologia significa eternizar o pacto com os "deuses" (demônios).

Ceia de Natal – um convite à glutonaria. Nas festas pagãs ao deus-sol o banquete era servido a meia-noite.

9- O natal de Jesus não tem mais nenhum sentido profético pois na verdade todas as profecias que apontavam para sua primeira vinda à terra já se cumpriram. Agora nossa atenção deve se voltar para sua Segunda vinda.

10- A festa de natal traz em seu bojo um clima de angústia e tristeza, o que muitos dizem ser saudades de Jesus, mas na verdade é um espírito de opressão que está camuflado, escondido atrás da tradição romana que se infiltrou na igreja evangélica, e que precisamos expulsar em nome de Jesus.

Mesmo querendo fazer a vontade de Deus como fiéis discípulos, somos surpreendidos por situações que ficamos chocados e atônitos, que nos trazem até embaraços para acertar nossas vidas erradas com a realidade divina. Contudo, nem tudo está perdido. Temos um Deus que transforma maldição em bênção. Agora não somos mais ignorantes quanto a festividade iniciada na Babilônia. Qual deve ser então nosso procedimento prático?
- Tirá-la totalmente do nosso coração. Lançar fora toda dependência sentimental da data do Sol Invictus (25 de dezembro).

 - Instruirmos nossos filhos e discípulos: "conhecereis a verdade e a verdade vos libertará." João 8:32
 - Nos livramos de todo enfeite com motivos natalinos, pois sabemos suas origens.
 - Não ficarmos sujeitos financeiramente à comidas importadas típicas. É um dia como qualquer outro.
 - Resistirmos ao espírito satânico de gastos no Natal, principalmente se houverem dívidas. Vigiar as "ofertas do Papai Noel". Só devemos comprar o necessário. Mamon, demônio das riquezas, criou dependência na mente humana onde as pessoas têm de estar nas festividades de fim de ano com casa nova, roupa nova etc. ("Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar a um e amar o outro, ou há de dedicar-se a um e desprezar o outro. Não podeis servir a Deus e às riquezas." Mateus 6:24). - Devemos aproveitar a data ("Andai em sabedoria para com os que estão de fora, usando bem cada oportunidade." Colossenses 4:5) para estar com parentes e amigos em suas casas falando da necessidade do nascimento de Jesus em seus corações, pois este é o verdadeiro presente que o "aniversariante" quer receber. É um propício momento evangelístico, quando encontramos pessoas com o coração aberto para ouvir de Jesus.
 - Entender que a maioria dos crentes não visualiza a situação do Natal, preferindo viver segundo seus sentimentos e tradições.
 - Não confundir Passagem do Ano com Natal. Não é errado desejar feliz Ano Novo para alguém, mas, sim, Feliz Natal. Podemos usar algumas expressões. Ex.: - Que Jesus nasça no seu coração (ou na sua vida)! 

"E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus." (Romanos 12:2)

Faça seu Pedido de Oração Aqui!

Postagens populares

VIU? TODO MUNDO VÊ - ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI



























LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Publicidade: